Quem autorizou incluir o Ilhota Rock Festival no plano de governo?


Plano de governo, coligaçãcao, compromisso com o futuro, Dialison, Dialison Cleber, Dialison Cleber Vitti, DialisonCleberVitti, Dialison Vitti, Dialison Ilhota, Cleber Vitti, Vitti, dcvitti, @dcvitti, #dcvitti, #DialisonCleberVitti, #blogdodcvitti, blogdodcvitti, blog do dcvitti, Ilhota, Newsletter, Feed, 2016, ツ

A terça-feira foi meia quente na cidade de Ilhota, talvez o início da verdadeira campanha eleitoral, aquela que nós estamos acostumado a ter por aqui. Bate-boca e mimimis na internet foram a tônica desse 19º dia que antecedem a votação. O que deu pano pra manga, foi minha postagem ao qual compartilhe em meu perfil no Facebook.

Mas vamos ao assunto desse post!

Quando falo que o plano de governo do Dida, aquele do PMDB, candidato do 15, lider da coligação #CompromissoComOFuturo é uma mentira, de fato é sim um mentira bem mentirosa. Sabe por que? Porque foi um plano discutido e criado por algumas pessoas que não representando nenhum setor ou organismo sociais. Criaram um plano para dizer que tem e justificar a Justiça Eleitoral suas diretrizes de governo, ações que ficarão somente no papel, porque quem planeja a administração são os contadores.

Então eu me pergunto, quem autorizou a incluir o Ilhota Rock Festival nesse plano?

Certa vez conversei com o meu amigo Rafael Weiss, meu #champs do mundo alternativo, o que ele estava fazendo tanto aqui pela cidade e me disse que estava na campanha do Dida. Me disse que rolou umas 7r3745 comigo e o partido e que o pessoal do manda brasa estava discutindo o plano de governo deles e estava pra incluir o Ilhota Rock Festival no projeto. Pedi pra ele não envolver isso no programa, pois não foi discutido com o nosso coletivo, mas de forma ditatorial, eles resolveram de forma arbitrária em publicar sem nenhuma consulta.

O Ilhota Rock Festival não é de um partido nem pertence a prefeitura e ainda, utilizaram um verbo inapropriado para destacar o tópico. Não consegui engolir aquilo quando aquilo. O Ilhota Rock faz parte de um movimento onde sou apenas um braço.

Conversei com quase todos os membros do grupo e ninguém (até agora) foi consultado sobre incluir o IRF no plano da coligação.

Na campanha do Lucas, em 2012, nós fizemos parte de forma modesta da campanha e não incluímos na proposta dele do festival para que não alimentasse o ódio e a divisão do grupo que fazia parte do movimento, pois nem todos estavam com o PMDB, até por que o projeto não é político.

Ai eu te pergunto #champs, você que lê, quando foi que envolveram o nosso coletivo no debate de elaboração desse plano? Vocês não conversaram com a gente, não querem diálogo conosco, mas conversaram com algum de nós? O grupo foi consultado? Não! Forçam um apoio que não existe. Nos castigam em seus forunzinho e nos grupos fechados do WhatsApp, falam mal da gente, nos ridicularizam nas mídias sociais mas usam nossas ideias para se promover. Isso é muito lindo ❤ Parabéns! Estão promovendo um golpe bunitinho.

Eu conheço um pouco das entrelinhas da política aqui em #Ilhota. Não vou denegrir a imagem de ninguém, mas isso, o que o candidato Dida fez no seu plano incluir algo de que ele quer distância é muita injustiça, mas quero que saibam de uma coisa… quando criamos o Ilhota Rock Festival o vice prefeito era do Dida. Pergunta pra ele se nos apoiou naquela primeira edição lá em 2003, pergunta? Aproveita e questiona o todo poderoso do 15 do apoio que aquela administração deu para o festival, pergunta? Nem diálogo teve, nada, nenhum apoio. Engraçado que agora ele quer envolver o projeto, nossas ideias a sua imagem. Isso é injusto, nada democrático.

Aproveito pra lembrar meus leitores e seguidores que um dos articuladores da campanha do Dida hoje era o prefeito da época. Nós não ganhamos nada. Depois que não eram mais políticos, nem o Betinho, nem o Dida, como empresários, contribuíram com o festival.

Por isso digo que esse plano é uma mentira.

O único que apoiou o projeto foi o Ademar. Ele bancou a ideia e foi durante o período dele as melhores edições do festival.

Por falta de diálogo, o Daniel, durante a sua gestão, respeitou o grupo e não usufruiu de seu poder em realizar o festival por conta própria. Isso prova que todos devem ter um elo, um canal para que possamos envolver todos os organismos em prol do desenvolvimento social da cidade. Isso não é o que acontece com aqueles que querem o poder a todo custo. Reconhecemos o esforço de Miro Santos, como secretário na gestão do prefeito Daniel, que promoveu ensaiar uma aproximação, fez contato em tentar reativar o Ilhota Rock. Não deu!

Por fim… se a coligação for vitoriosa e o Dida ganhar como prefeito, a administração virá conversar com a gente sobre o festival? Terá diálogo com esses setores ou irão dará um golpe igual ao que o Michel Temer deu?

Vivemos num meio cercado de corruptos e gananciosos, envolta de uma grande mentira, numa grande farsa. Falo e comento por ai que o interesse dos candidatos é apenas ganhar, ganhar e ganhar. Só isso!Estão sedentos pelo poder. Não importa o que está escrito em seus planos de governo, nada daquilo será implementado. A única coisa que farão quando eleitos e empossados é vingar-se dos opositores. Todo mundo quer lucrar com a política e iludir seus simpatizantes, militantes e eleitores.

É assim há mais de 50 anos e sempre será.

Anúncios

Uma resposta em “Quem autorizou incluir o Ilhota Rock Festival no plano de governo?

  1. Pingback: A opinião do meu amigo Rudnei sobre os dois planos governos dos candidatos a prefeito em Ilhota | Blog do dcvitti

Deixe seu comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s